CIDADANIA Casa Militar leva Ação Cívico Social para jovens e famílias carentes em Costa Marques, na fronteira Brasil-Bolívia

 CIDADANIA  Casa Militar leva Ação Cívico Social para jovens e famílias carentes em Costa Marques, na fronteira Brasil-Bolívia

A Casa Militar do Governo de Rondônia organiza a operação, com a participação da Polícia Militar, da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), Secretaria de Agricultura (Seagri), Secretaria de Educação (Seduc), e Secretaria da Assistência e Desenvolvimento Social (Seas).

O governador Marcos Rocha irá a Costa Marques no dia 9, abrindo, às 9h, o atendimento à população em geral.

De manhã e à tarde, dois técnicos da Emater e da Seagri ensinarão alunos da escola e famílias carentes a produzir hortaliças na forma orgânica. Esse curso objetiva proporcionar renda familiar a informou o coordenador da Aciso, major Clodomar Rodrigues.

Segundo o major Rodrigues, os participantes receberão certificados. Na escola, alunos aprendizes desse modelo de plantio construirão uma grande horta destinada a melhorar a alimentação deles e de todos os servidores.

“A maioria das pessoas que trabalharão na Aciso é formada por profissionais voluntários”, disse o coordenador.

No mesmo local, a Aciso promoverá um simpósio de enfrentamento à exploração sexual infanto-juvenil com duração de dez horas. Os participantes serão capacitados a identificar crianças em situação de abuso e, em seguida, encontrar caminhos para formular denúncias e solucionar problemas, com a participação das famílias das vítimas e das autoridades locais.

No geral, todas as escolas das redes estadual e municipal de Costa Marques terão palestras, explicou o major Rodrigues: o tema exploração sexual será ministrado a crianças do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, com idades de quatro a 12 anos; a operação ensinará a essa mesma faixa etária. Responsabilidade social e combate às drogas serão ministrados para alunos do 5º ao 9º ano, com a participação de monitores do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd).

O atendimento à população ocorrerá nos dias oito e nove, a partir das 9h da manhã, nas dependências da Escola Angelina dos Anjos. Serão ofertados: atendimento médico (pediatria e ortopedia), odontológico, e serviços do programa Tudo Aqui (Central de Atendimento ao Cidadão). A equipe da Seas emitirá documentos diversos às pessoas necessitadas.

Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Arquivo Secom e Arthur Amaral
Secom – Governo de Rondônia